Compartilhe e espalhe coisas boas!

O playground dos adultos amantes da bebida, é um complexo totalmente dedicado a arte de produzir vinhos.

Esqueça montanhas-russas e personagens animados. Uma empresa chinesa sabe o que o mundo realmente precisa: um parque temático totalmente voltado ao vinho.

A Changyu Pioneer Wine Company, a marca de vinhos mais antiga da China, está em processo de expansão para do seu complexo desdicado a bebida. São mais de 2.000 acres dedicado à arte da vinificação e degustação, que foi construída há quatro anos atrás de Xi’an, na China.

O atual parque temático do vinho, avaliado em aproximadamente 90 milhões de dólares, compreende uma imitação de castelos italianos, franceses e vinhedos que parecem ter saído das páginas de um conto de fadas. O complexo tal como está é capaz de produzir 5.000 garrafas por ano. Os visitantes podem percorrer uma exposição interativa que começa o processo de vinificação e vai até a degustação, incluindo a forma de identificar o terroir indescritível.

20140225184413_2031.jpg

Mas as operações de entretenimento da Changyu logo estarão se expandindo dramaticamente, de acordo com a Bloomberg. A “Cidade do Vinho”, uma segunda propiedade da empresa, em Yantai, na costa nordeste da China, já está em construção. Logo, os visitantes poderão visitar o “arranha-céu de vinho” que abrigará o Instituto Nacional de Pesquisa de Vinho, uma estrutura de inspiração gótica com um fosso artificial que será dedicado à produção de vinho tinto.

June-12-2011-Chateau-Changyu-Signpost.jpg

Mas porquê a China? Quando se trata do tema, França, Califórnia, Itália, e Ámérica do Sul vem a cabeça, como os princpiais produtores e os consumidores da bebida no mundo. Mas a produção de vinhos está crescendo na China, que tem atualmente mais terras dedicadas aos vinhedos do que qualquer outro país além da França. Malas prontas?

Compartilhe e espalhe coisas boas!